Secretaria de Educação

PNAE gera renda para produtor rural e garante merenda saudável para alunos

04/03/2020

O início do ano letivo nas escolas municipais movimenta um setor importante para a economia local: a agricultura familiar. Em Extrema, grande variedade de legumes, verduras, frutas e iogurte saem diretamente do campo para compor os pratos servidos na merenda escolar.

Isso garante uma alimentação mais saudável para nossos alunos e mais renda para as famílias que vivem da lavoura e pecuária em nossa cidade.

Somente no 1º semestre deste ano, serão investidos R$ 393.500,30 do Programa Nacional de Alimentação Escolar (PNAE) a 27 produtores do município, incentivando a produção agrícola local.  

A novidade para o ano de 2020 é a aprovação dada pela atual Administração para implantação do Programa de Aquisição de Alimentos (PAA). Além de assegurar a continuidade na alimentação e nutrição da rede pública de Extrema, o programa é exclusivo para a agricultura familiar extremense, investindo diretamente mais R$ 63.662,00 na economia local.