• Home
  • /
  • Notícias
  • /
  • Projeto Acervo Digital Regional de Extrema (ADRE) completa dois anos de existência com mais de 63 mil visualizações de páginas

Projeto Acervo Digital Regional de Extrema (ADRE) completa dois anos de existência com mais de 63 mil visualizações de páginas

19/07/2022

Compartilhe:

No dia 17 de julho de 2022, a plataforma do Projeto Acervo Digital Regional de Extrema (ADRE) completou dois anos de existência (desde o lançamento da plataforma). Atualmente, o ADRE registra mais de 63 mil visualizações de páginas.

Esse projeto foi concebido em 2017 e objetiva promover a digitalização e a difusão, na rede mundial de computadores, de documentos importantes para o estudo da história e da cultura de Extrema e região. Por meio desse projeto, são publicados, na plataforma digital do projeto, documentos pertencentes a arquivos nacionais e internacionais que lançam luz sobre aspectos da história da região. Além disso, a página hospeda vídeos, livros, textos e outros conteúdos sobre a cultura, o território e o patrimônio cultural local.

Atualmente, a plataforma do ADRE conta com mais de 3.100 fotografias; 101 aquarelas e partituras; 34 mapas e plantas; 24 vídeos (Projeto Memória Viva de Extrema e Projeto Memórias de uma Cidade) e 82 livros, revistas e jornais – que juntos possuem mais de 7 mil páginas/itens.

Tais registros e documentos pertencem a 41 famílias da região e a 12 instituições/entidades do Brasil, de Portugal e da Itália. A página possui ainda arquivos e fotografias do Setor de Proteção do Patrimônio Cultural, curiosidades e um espaço destinado a exposições virtuais que conta com 2 pesquisas concluídas.

Todos os itens do ADRE permanecem acessíveis, em múltiplos navegadores, no endereço: https://acervo.extrema.mg.gov.br/

A Secretaria Municipal de Cultura agradece a todos que colaboram para enriquecer o ADRE e informa que recebe, de forma contínua, cópias de fotografias antigas e outros itens, em formato digital ou impresso, para serem digitalizados, na Secretaria de Cultura, juntamente com um termo de autorização de uso e de cessão de direitos autorais – que pode ser acessado na plataforma do ADRE. Colabore você também para enriquecer o acervo. Acesse o ADRE!