Secretaria de Desenvolvimento Econômico

PRODUTORES RURAIS DE EXTREMA GARANTEM MERENDA EM ESCOLAS DA REGIÃO

27/05/2019

Produtores rurais de Extrema garantem a merenda escolar, não só dos alunos da cidade, como de municípios vizinhos. Frutas, verduras e legumes plantados e colhidos em cerca de dez propriedades rurais de Extrema vão para a mesa de escolas em Camanducaia, Pinhalzinho e Piracaia. A venda é feita por meio do Programa Nacional de Alimentação Escolar (PNAE), que oferece alimentação escolar e ações de educação alimentar e nutricional a estudantes de todas as etapas da educação básica pública.

O programa promove a geração de emprego e renda no campo, uma vez que garante a compra de produtos agrícolas a preços economicamente viáveis, além de proporcionar uma alimentação escolar mais saudável e nutritiva. Os agricultores familiares recebem a ajuda da Emater, que atua em áreas como assistência técnica, mobilização de agricultores, orientações e elaboração de projetos, e a capacitação dos agricultores em boas práticas de produção. 30% do valor repassado pelo PNAE devem ser investidos na compra direta de produtos da agricultura familiar, medida que estimula o desenvolvimento econômico e sustentável das comunidades.

Em Camanducaia, por exemplo, todos os produtos da lista são vendidos por produtores de Extrema. O objetivo desta chamada pública é a aquisição de gênero alimentícios diretamente da agricultura familiar e do empreendedor familiar rural ou suas organizações para atender os alunos matriculados no Centro Estadual de Educação Continuada (CESEC) Clotário Guilherme de Macedo. Já a Prefeitura de Pinhalzinho chega a comprar até 8 mil kg de produtos dos produtores de Extrema.