Secretaria de Governo

EXTREMA: TRABALHO SÉRIO É RECONHECIDO

07/06/2019

Reportagem do jornal Estado de Minas, um dos principais do estado, reconhece que o município é um exemplo de gestão no país em tempos de crise financeira.

Na contramão dos resultados de desequilíbrio fiscal em Minas Gerais, Extrema é considerada exemplo de gestão no país. É o que afirma reportagem publicada pelo jornal Estado de Minas, que trouxe exemplos de municípios
que se transformaram em “ilhas de prosperidade” em meio a dificuldades financeiras em seus estados. Extrema é destaque de abertura da matéria, intitulada “Cidades ricas assumem as despesas de estados”. Conforme a reportagem, Extrema está entre as cidades brasileiras que mais realizam investimentos mesmo nestes tempos adversos, segundo o anuário elaborado pela consultoria Aequus.

POLO INDUSTRIAL
O jornal cita que Extrema é o segundo maior polo industrial de Minas Gerais, com 255 indústrias instaladas, e abriga empresas como Bauducco, Kopenhagen, Netshoes e Multilaser e Ball. “Enquanto o país ainda sentia os
efeitos da grave crise econômica que derrubou arrecadação e empregos, a cidade de 34 mil habitantes atraiu 19 novas empresas e criou quase mil empregos no auge da crise. As principais atividades são os segmentos alimentício (é o 4º maior polo chocolateiro do país), eletroeletrônico, metal mecânico e logística.”