• Home
  • /
  • Notícias
  • /
  • Alunos da escola João Batista de Morais Filho ganham prêmio pelo projeto sustentável desenvolvido pelos alunos

Alunos da escola João Batista de Morais Filho ganham prêmio pelo projeto sustentável desenvolvido pelos alunos

01/12/2022

Foram premiados os três melhores projetos inscritos e desenvolvidos pelos próprios alunos e dentre eles a E.M João Batista ficou em segundo lugar, recebendo um prêmio no valor de R$ 5 mil

Na última sexta-feira, 25 de novembro, os alunos do 3º e 4º ano da E.M João Batista de Morais Filho estiveram no Espaço Energisa, instalado na Serrinha, em Bragança Paulista, para receber o prêmio do Projeto Educativo de Eficiência Energética (Datte/Energisa), em razão de um trabalho desenvolvido pelos alunos, denominado “Projeto UAI – Uma Atitude Inteligente”.

A mega ação foi aplicada junto ao público infanto-juvenil (ensino fundamental – 2º ao 9º ano) e do médio, havendo a participação de 25 mil alunos de 167 escolas da região. O projeto envolveu toda a comunidade, através de ações lúdicas e interativas, contribuindo para a mudança de hábitos e comportamentos.

Projeto desenvolvido pelos alunos

Durante meses, os alunos promoveram uma programação extensa para promover uma campanha de arrecadação de tampinhas, sejam elas de garrafas de refrigerante, leite, água, suco, maionese, amaciante, shampoo, desinfetante e remédio. O trabalho teve por finalidade a conscientização do uso responsável da energia e da água como forma de preservação do meio ambiente, o qual envolveu as famílias dos alunos, as redes sociais e toda a escola, ocasionando numa arrecadação de mais de 240kg de tampinhas de garrafas, em vários pontos de entrega.

Todo o material foi doado ao Fundo Social de Solidariedade em Atibaia, que promove um trabalho de reciclagem de plástico, ao mesmo tempo em que ajuda famílias em situação de vulnerabilidade social no município.

O título deixou os profissionais da Educação ainda mais orgulhosos dos alunos e de todo os trabalhos desenvolvidos por eles: “Parabenizamos a todos os envolvidos, nossos alunos, professores e equipe Gestora. Este tema é de extrema relevância para o futuro das próximas gerações, pois os alunos são os multiplicadores de informações e hábitos que contribuem para o uso correto de energia e dos demais recursos naturais”, agradeceu a Secretária Municipal de Educação.

Premiação

Em primeiro lugar ficou a Escola Municipal Araucária, de Camanducaia, que recebeu o valor de R$ 7 mil; em segundo lugar a Escola Municipal João Batista de Morais Filho de Extrema, premiada com R$ 5 mil e em terceiro a Escola Municipal Professor Luiz Gonzaga Fernandes, de Bragança Paulista, que levou para casa R$ 4 mil. É importante ressaltar que os valores serão revertidos para a aquisição de materiais didáticos e equipamentos tecnológicos, conforme a escolha de cada unidade escolar.